Gestão de Frotas

Gestão dos motoristas: cuidando melhor da sua frota

Na rotina da gestão de frotas há muitas coisas com que se preocupar. Afinal, são várias
vertentes e responsabilidades que precisam caminhar em comunhão para que tudo
funcione. Assim, cada área é importante no sucesso logístico. Por essa razão, a boa
gestão de motoristas é uma ação inteligente e decisiva na gerência da frota.
Além disso, ter como parceiros os motoristas da frota é um diferencial importante para
otimizar os processos. Entretanto, para que isso aconteça, algumas atitudes devem ser
tomadas. Nesse processo de gestão de motoristas é necessário considerar questões
como motivação, treinamento e reconhecimento dos colaboradores.


A seguir, selecionamos dicas importantes para que o gerenciamento de motoristas seja
um sucesso.

>> Segurança para seus motoristas passarem em cancelas sem ter contato com
dinheiro ou máquinas de cartão? Conheça ConectCar Frotas.


Por que se preocupar com a gestão de motoristas?

A gestão de motoristas nada mais é do que a boa e velha gestão de pessoas. Empresas
com uma cultura forte e estruturada, geralmente focam os seus esforços na gestão dos
colaboradores. O comportamento do motorista reflete diretamente na imagem e
também no desempenho da empresa. Além de servir de forma preventiva, o gerenciamento de motoristas também garante benefícios palpáveis para o gestor que se dedica a ele.

O que fazer para melhorar o seu gerenciamento de motoristas?

Treinamento


Como a conduta dos motoristas afeta diretamente a operação e a imagem da empresa
perante as demais pessoas, é relevante que tudo comece com uma boa seleção de
profissionais. Após a triagem, treinamentos e integrações devem ser aplicadas, a fim
de alinhar as atuações futuras dos motoristas às expectativas e necessidades da
empresa. É o caso, por exemplo, de treinar o motorista para como proceder em determinadas
situações de trânsito, ou como usar os veículos da melhor maneira possível.

Mas o processo de capacitação não deve ficar restrito à contratação dos motoristas. É
preciso ter uma cultura de evolução permanente. Para isso, o ideal é que a empresa
adote uma cultura de treinamentos periódicos e reciclagens, para que os profissionais
não apenas se mantenham atualizados quanto a procedimentos e inovações, mas
também possam ter uma conduta alinhada aos valores e às políticas da empresa no dia
a dia de trabalho.

Monitoramento de Motoristas


A tomada de decisão se torna um ambiente mais seguro para os gestores quando há
uma base de dados para seguir. Assim, somente tendo informações de todas as etapas
dos processos, é possível direcionar os próximos passos.
Por essa razão, na gestão de motoristas, um passo importante é o monitoramento das
ações dos condutores. Ao monitorar e controlar ações cotidianas dos motoristas, é
possível levantar uma boa base de dados.
Além disso, saber detalhadamente sobre abastecimentos, lavagens, rotas e tudo o
mais que envolva o cotidiano nas estradas, permite que fraudes sejam coibidas na
gestão.
O monitoramento é positivo porque traz benefícios que vão além do aspecto logístico
e do controle de custos. Talvez o principal deles esteja relacionado às questões
laborais, uma vez que o monitoramento permite um melhor controle de jornada e
possibilita um tempo maior de descanso aos motoristas. O que tem impacto direto não
apenas na produtividade, mas também no turnover de profissionais.
Ou seja, o monitoramento disponibiliza dados que, se bem explorados, podem
contribuir para a melhora da performance da equipe e ajudar a estruturar ações de
engajamento e/ou recompensa, além de ajudar também nos programas de retenção
de colaboradores.

Ações de Recompensa


Embora não seja a realidade de todas as frotas, utilizar ações de recompensas para o
engajamento da equipe é uma boa atitude na gestão de motoristas. Afinal, desafios
com expectativas de retornos podem estimular os esforços dos motoristas.
Evite, no entanto, premiar apenas por recompensas de produtividade. Pois pode surtir
efeito negativo e ser um fator determinante para o stress e acidentes de trânsito, por
exemplo.
Uma vez que o estímulo à competição entre os colaboradores (devido à premiação)
pode levar a conflitos internos, o que tende a prejudicar o clima organizacional. Além
disso, a busca por ganhos financeiros mais elevados tem a possibilidade de ocasionar

ansiedade e danos à qualidade de vida no trabalho, resultando em um impacto
negativo nos resultados.

Outra questão relevante é que, como campanhas de premiação são normalmente
temporárias, sua descontinuidade pode gerar desmotivação e perda de produtividade.
Para minimizá-los é necessário investir em políticas complementares que valorizem as
pessoas.

Ações de Engajamento


Motoristas não engajados ou desmotivados são um indicativo de uma gestão de
pessoas ineficiente.
De maneira geral, manter um calendário com capacitações, reuniões, atividades
extras, e outras ações podem manter os motoristas motivados. Afinal, gera uma
aproximação do colaborador com a empresa, demonstrando o quanto ele é
importante, fazendo-o sentir-se protagonista e o quanto a empresa zela pelo seu
desenvolvimento.

Ações de Retenção


A rotatividade de motoristas pode prejudicar severamente o seu negócio. Para saber o
porquê, basta olhar para quanto a sua empresa costuma gastar para recrutar um novo
motorista. Pior ainda é descobrir que o desligamento ou os altos índices de rejeição
quase sempre têm relação com um mau gerenciamento de motoristas.
Para a maioria dos proprietários de frotas, a felicidade de seus motoristas está sempre
relacionada a um aumento no salário. Embora até exista alguma verdade nisso, há
outros aspectos que eles podem examinar ao tentar manter seus motoristas
satisfeitos.
O primeiro deles é tratar cada motorista como ser único que é. Além disso, é preciso
analisar suas necessidades, desejos e sonhos para traçar um plano que o mantenha
satisfeito. Por fim, proporcionar um ambiente agradável e a sensação de
reconhecimento.
São ações simples, mas que, combinadas, contribuem para atenuar a alta rotatividade
de profissionais.

Como a ConectCar contribui para a segurança dos seus motoristas?


Além dos cuidados com recrutamento, treinamento e de todas as questões que dizem
respeito à capacitação e à motivação dos profissionais da equipe de motoristas, há de
se cuidar também com a segurança, nas viagens e no dia a dia.Por isso, além dos itens e revisões relativos aos veículos e à carga, é necessário cuidado com a saúde e a integridade dos motoristas. Uma maneira de prevenir
contratempos e até mesmo assaltos, é reduzir as paradas durante as viagens.

Com ConectCar, os motoristas da sua frota passam direto em todas as rodovias pedagiadas
do país, parando menos e sem necessidade de contato com dinheiro e máquinas de
cartão. Podendo seguir viagem da melhor maneira possível, de forma rápida, eficiente e
segura.

É fácil ter ConectCar na sua frota. Veja os diferenciais do ConectCar Frotas e peça já o
seu!